Vigília Missionária

20191017vigiliamissionaria1Na passada quinta-feira, 17 de outubro, a comunidade do Seminário Interdiocesano assinalou o Dia Mundial das Missões e o encerramento do Ano Extraordinário Missionário em dois momentos.

Na Eucaristia esteve presente o Pe. Eduardo Miranda, missionário espiritano, que partilhou com a comunidade a sua experiência missionária na Amazónia, dando algumas notas da importância do Sínodo dos Bispos para a resolução dos grandes obstáculos pastorais e ecológicos que a Igreja dessa região do mundo enfrenta. A enorme extensão territorial, a diversidade de povos e a escassez de sacerdotes para dar resposta às necessidades do povo de Deus são alguns dos desafios a que o Sínodo procura dar resposta.

20191017vigiliamissionaria2No final do dia, celebrámos uma Vigília Missionária. Foi um momento de oração, em que de forma mais personalizada nos associámos aos cinco continentes, num verdadeiro espírito de comunhão missionária. Cada um de nós vestiu uma cor dos cinco continentes (branco para a Europa, vermelho para a América, verde para a África e amarelo para a Ásia), rezando, de forma particular, por cadda um desses locais, seus habitantes e missionários.

Quisemos, diante de Jesus Sacramentado, renovar o compromisso de batizados e enviados, como testemunhas do Evangelho, corajosos e vigilantes, no caminho de uma Igreja em busca de novas e eficazes expressões que possam trazer luz ao mundo. Ao terminarmos a Vigília Missionária, fomos enviados em missão como verdadeiros discípulos, ouvimos a voz do Mestre: «Ide e fazei discípulos todos os povos» (Mt 28,19).