XI Domingo Comum (B)

DEUS AMADURECE (EM MIM)11 COMUM BB

LECTIO DIVINA – Um Roteiro

0. Preparo-me
Procuro um lugar adequado e uma boa posição corporal. Respiro lenta e suavemente.
Silencio os pensamentos. Tomo consciência da presença de Deus, invocando o Espírito Santo.

1. O que diz o texto
- Leio pausadamente Mc 4,26-34.
- Sublinho e anoto o mais significativo.
Em parábolas, Jesus fala do Reino de Deus. Este não depende tanto da obra humana, mas da divina. Cresce na discrição de pequenos sinais, mas seus frutos são evidentes.

Continuar a ler

  • Visualizações: 193

Formação da Etapa do Discipulado: entre a Mansagem de Fátima e o Celibato sacerdotal

formacao discipulado maio24

Durante os dias 18 e 19 de maio, os seminaristas da etapa do Discipulado estiveram em formação no Seminário Interdiocesano de São José, com as Irmãs da Aliança de Santa Maria, sob a orientação da Ir. Ana Luíza e o acompanhamento da Ir. Ângela Oliveira. Dessa forma os seminaristas puderam abraçar um itinerário espiritual que se baseou nas virtudes dos pastorinhos de Fátima: adoração, reparação e consagração, aplicadas à vivência do celibato sacerdotal.

  • Visualizações: 48

Da espiritualidade mariana na vida sacerdotal. Etapa da Configuração I no Sameiro

configuracao 1 sameiroNo passado dia 22 de maio, os seminaristas da etapa da Configuração I tiveram o segundo momento anual de formação complementar. Para tal, na companhia do Pe. José António, rumaram até ao monte Sameiro, onde o Pe. Delfim Pinto Coelho, Reitor daquele Santuário, lhes falou da espiritualidade mariana na vida sacerdotal e da importância pastoral dos santuários.

Continuar a ler

  • Visualizações: 44

X Domingo Comum (B)

QUEM SAI AO SEU…DEUS9 COMUM BB

LECTIO DIVINA – Um Roteiro

0. Preparo-me
Procuro um lugar adequado e uma boa posição corporal. Respiro lenta e suavemente.
Silencio os pensamentos. Tomo consciência da presença de Deus, invocando o Espírito Santo.

1. O que diz o texto
- Leio pausadamente Mc 3,20-35.
- Sublinho e anoto o mais significativo.
A atuação de Jesus provoca a incompreensão de familiares que O julgam “fora de si” e a hostilidade de escribas que O acusam de estar possesso. Negar Jesus é recusar Deus. Segui-l’O é aparentar-se com Ele.

Continuar a ler

  • Visualizações: 287

IX Domingo Comum (B)

SENHOR DOS DIAS9 COMUM B

LECTIO DIVINA – Um Roteiro

0. Preparo-me
Procuro um lugar adequado e uma boa posição corporal. Respiro lenta e suavemente.
Silencio os pensamentos. Tomo consciência da presença de Deus, invocando o Espírito Santo.

1. O que diz o texto
- Leio pausadamente Mc 2,23 – 3,6.
- Sublinho e anoto o mais significativo.
Os discípulos, acusados de transgredirem a lei do sábado, são defendidos por Jesus. Ele afirma-se Senhor do sábado. Este não deve ser vivido como peso, mas como bênção.

Continuar a ler

  • Visualizações: 409

Etapa da Configuração II visita o Mosteiro de São Bento de Singeverga

 conf2 singeverga 3

No passado dia 27 de maio, os seminaristas da Configuração II, acompanhados pelo seu formador, Pe. António Jorge, visitaram o Mosteiro de São Bento de Singeverga, da ordem religiosa beneditina, situado na freguesia de Roriz, município de Santo Tirso, distrito do Porto. Estes estiveram com o Dom Abade Bernardino Costa e o Monge Prior Luís Aranha.

Continuar a ler

  • Visualizações: 316

Domingo da Santíssima Trindade (B)

DEUS COMO ABRAÇOSANTISSIMA TRINDADE BB

LECTIO DIVINA – Um Roteiro

0. Preparo-me
Procuro um lugar adequado e uma boa posição corporal. Respiro lenta e suavemente.
Silencio os pensamentos. Tomo consciência da presença de Deus, invocando o Espírito Santo.

1. O que diz o texto
- Leio pausadamente Mt 28, 16-20.
- Sublinho e anoto o mais significativo.
Jesus convoca os discípulos para a Galileia e comunica-lhes sua autoridade e missão. Omite-se a despedida e ascensão, sublinhando-se a promessa que Jesus seguirá junto deles.

Continuar a ler

  • Visualizações: 376

Mais artigos...