A comunidade está em modo académico (2º Semestre) Ler +

Pequeno Catecismo Eucaristico - Pe Roberto Coggi, 2002

"Tal como para manter-se em vida e para crescer é pr6 1eciso comer, assim para conservar-se na vida da graça e crescer nela, é necessário receber frequentemente e bem a Sagrada Comunhão."

 

 

 

 

A proposta literária de hoje chama-se “Pequeno Catecismo Eucarístico”.

Este livro, da autoria do Padre dominicano Roberto Coggi, editado pela primeira vez em 2002 em italiano; consiste numa síntese em 100 páginas das principais verdades teológicas relacionadas com o Sacramento da Eucaristia, bem como do culto eucarístico dentro e fora da Missa. Esta obra não pretende ser um tratado de teologia mas sim um livro mistagógico. Este carácter catequético é visível principalmente no estrutura do texto que possui ao mesmo tempo facilidade de compreensão e p6 2rofundidade de pensamento, por ser escrito no estilo de pergunta-resposta breve e com uma linguagem e ilustrações simples. Esta obra é, portanto, um excelente subsídio para a catequese quer de crianças quer de adultos. 
O livro está dividido em três partes distintas:

“O dom da Eucaristia” - esta parte aborda de forma sistemática a teologia relacionada com a Eucaristia. Começa com as noções gerais de teologia fundamental, segue para as referências bíblicas, desenvolve-as com os aprofundamentos da teologia ao longo dos sé6 3culos e termina com as questões práticas referentes ao melhor modo de viver a Santa Missa.

“Milagres Eucarísticos” - esta parte recolhe 16 episódios de milagres reconhecidos pela Igreja, relacionados com Hóstias consagradas, desde a transformação visível em carne viva (ex.: milagre eucarístico de Santarém em 1274) até curas milagrosas durante procissões com o Santíssimo Sacramento. Estes episódios cobrem um período de tempo entre o século VI e 1902.

6 4 “Os santos e a Eucaristia” - esta parte consiste em 14 relatos do modo como 14 santos lidavam com a Eucaristia, desde São Tarcísio (século III) até à Beata Alexandrina de Balasar (século XX). Nesta secção, encontram-se testemunhos de mulheres e de homens, de crianças e de adultos, de pessoas instruídas e de analfabetos; todos com o denominador comum de acreditarem na presença real de Jesus na Eucaristia e de a adorarem de forma sublime.

No fim do livro, encontra-se ainda o apêndice com “Orações a Jesus Sacramentado”.

Este livro goza do privilégio de ser apresentado pelo Cardeal Saraiva Martins, à data Prefeito para a Congregação para as Causas dos Santos. Com a sua eloquente sabedoria, diz:

Trata-se, sem dúvida, de um volume bastante útil e actual. O objectivo a que se propôs a Editora Estúdio Dominicano é, de facto, o de contribuir para superar a ignorância e a superficialidade que frequentemente se percebe na maneira de falar do Sacrifício do altar e de nele participar. Não raramente a fé na presença real e na transubstanciação é deixada um pouco na sombra, com todas as nefastas consequências para uma autêntica vida cristã.
O meu voto é que esta obra atinja o objectivo a que se propõe, que é o de reavivar nos seus leitores a fé e a devoção para com aquele «Sacramentum amoris» que o Senhor, antes de subir para o Pai, quis deixar como o seu testamento mais precioso.”

A edição portuguesa conta ainda com o prefácio de Dom Maurílio de Gouveia, à data arcebispo de Évora:

Não podemos encontrar fórmula mais apropriada para apresentar ao público no nosso país o «Pequeno Catecismo Eucarístico» do que as afirmações do ilustre Cardeal português.