XX Domingo Comum (C)

ALMA INFLAMÁVEL19 COMUM C

LECTIO DIVINA – Um Roteiro

0. Preparo-me
Procuro um lugar adequado e uma boa posição corporal. Respiro lenta e suavemente.
Silencio os pensamentos. Tomo consciência da presença de Deus, invocando o Espírito Santo.

1. O que diz o texto
- Leio pausadamente Lc 12, 49-53.
- Sublinho e anoto o mais significativo.

Jesus apresenta a sua missão de forma surpreendente: Ele veio trazer fogo. E descreve as exigências da mesma: uma imprescindível opção e suas consequentes repercussões.

2. O que me diz Deus
- Que me fazem pensar e sentir as palavras de Jesus?
Na Bíblia, o fogo é manifestação de Deus: expressão da sua justiça, guia libertador ou sinal da sua presença. Jesus é esse fogo que queima e purifica tudo o que em mim é “palha”. É fervor contagioso de amor e vida. Ele próprio “arde” nessa paixão que o liga ao Pai, no desejo de cumprir o seu plano salvador. O batismo a que alude é a cruz, onde tudo se concretizará. O convite é que eu viva com o mesmo “fogo” por dentro, ainda que suscite incompreensão ou rejeição. Um cristão não pode ser neutro nem frio.

3. O que digo a Deus
- Partindo do que senti, dirijo-me a Deus, orando (de preferência com palavras minhas).
Senhor, muitas vezes, vejo a vida de fé como uma praia tranquila de verão. Mas, hoje, revelas-me que não é nada disso. Para Ti, o amor não é romantismo. É fogo que queima, purifica, renova. É paixão que impele à Paixão. Por ser mais forte que o sofrimento e a morte, não os exclui. Sublima-os em amor. Incendeia-me o coração!
Amar implica lutar e escolher, afirmar, defender e perseverar. Por isso, acarreta divisão: o bem não se conjuga com o mal, nem a verdade com a injustiça. Seguir-Te e imitar-Te não está na moda. Importuna. Provoca repúdio. No final, não ficamos muitos. Para Ti, não é problema: sempre fizeste milagres com o pouco.
Não deixes que se apague em mim o teu fogo. O frio dos outros não me congele a alma. Porque só o testemunho queima, alenta em mim o novo ser.

4. O que a Palavra faz em mim
- Contemplo Deus, saboreando e agradecendo.
Senhor, és fogo que aquece e ilumina a minha existência. Arde em mim, pois quero louvar-Te, contemplar e adorar.
Inspira-me o que esperas e mereces de mim. Apoiado em Ti, comprometo-me em algo oportuno e alcançável, crescendo na minha relação diária conTigo e com os outros.

PROVOCAÇÕES
- Estou decidido a amar/comprometer-me com Cristo?
- Que “fogo” arde em mim?
- Para que serve um cristão sem paixão?

UM PENSAMENTO
“Se a chama que está dentro de ti se apagar, os que estão ao teu lado morrerão de frio.” (François Mauriac)

UM DESAFIO
Pedir ao Espírito Santo a graça de ter seu fogo no coração.

UMA ORAÇÃO-POEMA

Incendeia, Senhor,
de novo esta terra
com teu Amor,
braseiro intenso e interior
e que arda para se ver
em palavras e gestos,
numa labareda exterior.
Não tiveste outro desejo…

Faz de mim archote desse fogo.
decidido e destemido na luta.
Atiça a chama que por Ti clama.
Deste forno saia um pão novo
que nutra caminho e peregrino.
Nunca fará noite nem frio
onde o teu amor-fogo chegar.
Não tenha eu outro desejo…

UMA CANÇÃO
Jesus Culture – You won’t relent

  • Visualizações: 214